A DINÂMICA DE DESENVOLVIMENTO EM LAGES E JOINVILLE – SANTA CATARINA A PARTIR DE UMA VISÃO INSTITUCIONALISTA NEOSCHUMPETERIANA

Tiago Savi Mondo, Gabriela Gonçalves Silveira Fiates, Silvio Antônio Ferraz Cário

Resumo


O desenvolvimento econômico é um processo de acumulação de capital e produtividade que leva a população à melhoria da qualidade de vida. Neste contexto, este artigo objetiva comparar o desenvolvimento dos municípios de Lages e Joinville no Estado de Santa Catarina, a partir de uma visão institucionalista neoschumpeteriana. O estudo é caracterizado como exploratório-descritivo, documental e bibliográfico. Foram analisados documentos governamentais, relatórios e dados das duas cidades. As categorias de análise criadas foram: evolução histórica, dados econômicos, governança local e produção e inovação. Os principais resultados indicam que o desenvolvimento dos municípios possui especificidades, influência histórica, empresarial e política. Atualmente estão em estágios distantes, onde Joinville vive num alto estágio de inovação e desenvolvimento e Lages colhe os frutos dos anos de estaticidade e tem dificuldade para engendrar um desenvolvimento mais virtuoso.

Palavras-chave


Desenvolvimento Econômico; Teoria Institucional; Teoria Neo-Schumpeteriana; Lages; Joinville

Texto completo: PDF

RDE – Revista de Desenvolvimento Econômico. ISSN eletrônico 2178-8022 (números publicados a partir de 2010)
ISSN impresso 1516-1684