PROPOSTA DE UMA ESTRUTURA DE BALANCED SCORECARD PARA UMA COOPERATIVA AGROPECUÁRIA DO NOROESTE DO RIO GRANDE DO SUL

Maria Margarete Baccin Brizolla, Itzhak David Simão Kaveski, Luiza Betânia Fasolin, Carlos Eduardo Facin Lavarda

Resumo


O estudo objetivou investigar como a ferramenta de gestão Balanced Scorecard (BSC) pode auxiliar os gestores na definição, mensuração e controle dos indicadores de desempenho de uma cooperativa agropecuária do Noroeste do RS. Efetuou-se uma pesquisa descritiva, por meio de um estudo de campo com abordagem qualitativa. Os achados do estudo demonstra um alinhamento entre as práticas da utilização do BSC e aquilo que está preconizado na literatura, ao qual se verifica que o BSC é uma forma de avaliação de desempenho utilizável na cooperativa, além de fornecer uma visão ampla do controle estratégico da empresa. A utilização do BSC permite aos gestores da cooperativa ampliar o controle sobre a desempenho organização, uma vez que a partir da análise anual de reestruturação do planejamento estratégico, pode-se propor mais estratégias que podem aprimorar a estrutura de BSC proposta.


Palavras-chave


Balanced Scorecard; Cooperativas; Indicadores de Desempenho

Texto completo: PDF

Gestão & Planejamento. ISSN eletrônico (on-line/e-line) 2178-8030
ISSN impresso 1516-9103