ESTRATÉGIAS DE INCORPORAÇÃO E REESTRUTURAÇÕES ORGANIZACIONAIS NO ENSINO SUPERIOR PRIVADO BRASILEIRO: UMA ESCUTA AO TESTEMUNHO DE DOCENTES

Helder Araujo de Carvalho, Sidarta Silva Galas, Marcelo Antonino de Santiago, Ana Cristina Batista-dos-Santos

Resumo


O texto socializa resultados de uma pesquisa qualitativa sobre processos de reestruturação organizacional decorrentes de incorporações no ensino superior brasileiro. Parte de pressupostos da teoria da contingência estrutural que considera a relação entre características organizacionais e contingências que afetam a organização. O objetivo da pesquisa foi compreender o processo de reestruturação organizacional de duas faculdades privadas ante a incorporação de um grande grupo educacional em fase expansionista no Brasil, desde o testemunho de duas docentes que vivenciaram o processo. Utilizou-se a entrevista semiestruturada para coleta de dados, a qual partia de um roteiro concebido com a intenção de evocar narrativas testemunhais. Os resultados mostram que o processo de incorporação implicou em grandes desafios, ligados principalmente às mudanças nas grades curriculares, à imposição de novas práticas de ensino, à intensificação do trabalho, às mudanças estruturais e às alterações na forma de gestão.


Palavras-chave


Estratégias de incorporação; Reestruturações organizacionais; Ensino superior

Texto completo: PDF

Gestão & Planejamento. ISSN eletrônico (on-line/e-line) 2178-8030
ISSN impresso 1516-9103