PRÁTICAS DE GESTÃO DO CONHECIMENTO EM EMPRESAS DO VALE DO RIO DOS SINOS/RS

Vânia Gisele Bessi, Kelvin da Silva Penedo, Marta Rosecler Bez, Dusan Schreiber

Resumo


O conhecimento que circula no universo organizacional constitui-se em diferencial e potencial significativo de inovação para as organizações. O objetivo desta pesquisa é identificar como ocorre a gestão do conhecimento em pequenas indústrias do Vale do Rio dos Sinos/RS. Realizou-se uma survey, com 77 respondentes. Assegurou-se que os questionários fossem respondidos por gestores de topo. Em sua maioria, as empresas respondentes são pertencentes aos segmentos metalúrgico, componentes e o calçadista. Verificou-se que os gestores respondentes não atribuem importância significativa ao conhecimento dos colaboradores para o sucesso do negócio, considerando suas empresas pouco inovativas. Parte dos gestores diz orientar seus funcionários sobre a importância do armazenamento do conhecimento. Nota-se, porém, que a preocupação e esforços gerenciais situam-se no armazenamento e socialização do conhecimento formal, aquele que está presente em normas, procedimentos e instruções de trabalho. Em relação ao conhecimento pessoal, subjetivo, tácito, ainda há dificuldade em encontrar soluções eficazes para o seu gerenciamento, o que caracteriza uma não socialização entre esse tipo de conhecimento.


Palavras-chave


Inovação; Gestão do conhecimento; Pequenas Empresas; Indústrias do Vale do Rio dos Sinos/RS

Texto completo: PDF

Gestão & Planejamento. ISSN eletrônico (on-line/e-line) 2178-8030
ISSN impresso 1516-9103