ANÁLISE DO PROCESSO DE FORMAÇÃO DE ESTRATÉGIAS INTERNACIONAIS NA INDÚSTRIA DE CHARUTOS E CIGARRILHAS DA BAHIA

Itiel Moraes da Silva, Walter Fernando de Araújo de Moraes, Ana Carla Cavalcante das Chagas

Resumo


A pesquisa tem como objetivo investigar as características do processo de internacionalização na Menendez & Amerino, empresa que possui a liderança em market share no mercado de charutos e cigarrilhas brasileiro. Para construção do referencial teórico foram utilizados os principais conceitos-chave das teorias de internacionalização: Ciclo de Vida, Uppsala, Escolha Adaptativa, Paradigma Eclético, Modelo Diamante e RBV. Os conceitos-chave abrangem a localização, escolhas gerenciais, recursos tangíveis e intangíveis, aprendizagem, agentes externos, contexto e processo de formação de estratégias internacionais. A estratégia metodológica de estudo de caso qualitativo foi considerada apropriada para esclarecer o problema de pesquisa e para investigar o processo e a dinâmica do fenômeno da internacionalização. A pesquisa é de natureza longitudinal e os procedimentos metodológicos foram embasados na teoria adaptativa. A análise dos dados foi realizada em duas etapas: descritiva e por meio do método de comparação constante, com o auxílio do software ATLAS/ti. Os resultados revelaram que os fatores, conhecimento e vantagens comparativas foram fundamentais no processo de internacionalização. Verificou-se também, que na maior parte do período analisado, o processo de formação das estratégias internacionais com base no incrementalismo lógico esteve presente na organização.


Palavras-chave


Estratégia; Internacionalização; Exportação; Processo; Charutos e Cigarrilhas

Texto completo: PDF

Todo conteúdo da revista está sob a licença 

Gestão & Planejamento. ISSN impresso 1516-9103 - ISSN eletrônico 2178-8030