A FUNÇÃO SOCIAL DAS COMPRAS PÚBLICAS PELA INSERÇÃO DA VARIÁVEL AMBIENTAL: CASO DE UMA INSTITUIÇÃO FEDERAL DE ENSINO SUPERIOR

Evangelina da Silva Sousa, Denis Barros de Carvalho

Resumo


O objetivo deste artigo é diagnosticar a percepção dos agentes públicos quanto à inserção de critérios de sustentabilidade ambiental nas contratações de uma univem  rsidade federal. Os estudos que tratam sobre compras públicas sustentáveis fundamentaram a pesquisa, destacando a importância da função social das licitações. A pesquisa é qualitativa e descritiva, realizada por meio de entrevistas semiestruturadas e análise documental. Constatou-se que o dirigente máximo da instituição assimila o conceito de sustentabilidade e reconhece que a instituição deve se adequar a este paradigma, além de ser uma questão que envolve toda a sociedade. No relato dos demais sujeitos, a sustentabilidade ambiental não aparece de forma aprofundada, sendo reduzida apenas a um mero quesito legal e econômico, não sendo internalizada e tampouco vivenciada nas práticas administrativas.

DOI: 10.21714/2178-8030gep.v19.3528

 


Palavras-chave


Sustentabilidade; Compra Pública; Universidade

Texto completo: PDF

Todo conteúdo da revista está sob a licença 

Gestão & Planejamento. ISSN impresso 1516-9103 - ISSN eletrônico 2178-8030