ORGANIZAÇÕES FEMININAS: COMO MULHERES GERENCIAM SEUS NEGÓCIOS?

Almiralva Ferraz Gomes, Robson Amaral Santos, Priscila Lucia Oliveira Silva, Ananda Silveira Bacelar

Resumo


Analisar organizações geridas por mulheres é algo não só curioso, mas, sobretudo, necessário porque as mulheres estão cada vez mais presentes no mercado de trabalho, não só como empregada, mas gerindo seu próprio negócio e rompendo a cultura conservadora de que o espaço doméstico é o seu lugar. Deste modo, propõe-se analisar a ação empreendedora de mulheres que possuem seu próprio negócio. A presente pesquisa é de natureza teórico-empírica e do tipo descritivo-exploratória baseada no estudo de seis casos em Vitória da Conquista, Bahia. Os resultados apontaram que as mulheres estudadas possuem um foco no atendimento às demandas do mercado, bem como valorizam o relacionamento com seus clientes. Ademais, constatou-se que as decisões são compartilhadas com os demais integrantes da organização, como sócios e funcionários. Assim, a gestão dessas mulheres prioriza a qualidade no produto e/ou serviço sem perder de vista o bem-estar social dos envolvidos na organização.

DOI: 10.21714/2178-8030gep.v18.4665


Palavras-chave


Empreendedorismo; Gênero; Gestão

Texto completo: PDF

Todo conteúdo da revista está sob a licença 

Gestão & Planejamento. ISSN impresso 1516-9103 - ISSN eletrônico 2178-8030