ÔNIBUS LOTADO: ANÁLISE MÉTRICA DA QUALIDADE DO TRANSPORTE PÚBLICO MUNICIPAL

Diego Gomes de Lima, Stephanie Ingrid Souza Barboza

Resumo


Considerando a relevância que o transporte público por ônibus exerce no país e a necessidade de sua prestação a um nível de qualidade satisfatório aos cidadãos, a proposta desse artigo foi desenvolver uma métrica para analisar as variáveis que influenciam na percepção de qualidade do transporte público por ônibus e na satisfação dos usuários com o serviço. Para a construção dessa métrica, foi adotado o modelo proposto por Hair et al. (2005b), que se configura a partir de um conjunto de oito passos. Em termos de coleta de dados, o quantitativo final da amostra foi de 834 respondentes das duas principais cidades paraibanas. Como resultado, o modelo ajustado apresentou poder de explicação de 45,3% da variância total, incluindo dimensões mais subjetivas do serviço (confiabilidade e segurança geral) e as características do próprio serviço (conforto, acessibilidade, segurança técnica) e, ainda, as informações prestadas aos usuários (informações gerais do serviço e informações dos pontos de ônibus).

DOI: 10.21714/2178-8030gep.v.21.6143


Palavras-chave


Transporte público municipal; Mensuração; qualidade do serviço; Satisfação do usuário

Texto completo: PDF

Todo conteúdo da revista está sob a licença 

Gestão & Planejamento. ISSN impresso 1516-9103 - ISSN eletrônico 2178-8030