ABORDAGENS DAS PRÁTICAS DE ECO INOVAÇÃO: UMA REVISÃO SISTEMÁTICA DE ESTUDOS DE CASOS APLICADOS EM EMPRESAS DE MANUFATURA

Fernando Assunção Cardoso, Micheli Franceis Faoro, Loreni Teresinha Brandalise, Geysler Rogis Flor Bertolini

Resumo


O objetivo deste trabalho foi realizar um levantamento dos estudos de caso que tiveram a eco inovação como escopo, avaliando os aspectos das publicações quanto à temática central de seu conteúdo, de forma que fosse possível classificá-las e identificar as principais dimensões abordadas neste tema. A metodologia utilizada foi a revisão sistemática, através da realização de buscas nas bases Scopus, Web of Science e Spell. Após a aplicação dos critérios de inclusão/exclusão, 13 artigos foram selecionados e avaliados. Identificou-se quatro dimensões de abordagem nos trabalhos avaliados: análise dos impactos financeiros; práticas de adequação à legislação / implantação de certificação; classificação das práticas de eco inovação e; análise dos fatores de sucesso da implementação das práticas de eco inovação. Evidenciou-se que existe um grande esforço na direção de quantificar as práticas de eco inovação, de modo que seja possível classificá-las e compará-las.

DOI: 10.21714/2178-8030gep.v.21.6589


Palavras-chave


Estratégia; Sustentabilidade; Eco inovação; Inovação

Texto completo: PDF

Todo conteúdo da revista está sob a licença 

Gestão & Planejamento. ISSN impresso 1516-9103 - ISSN eletrônico 2178-8030