IMPLANTAÇÃO DA GESTÃO DE MANUTENÇÃO PREDIAL NA UFAL – CAMPUS SERTÃO

Marcus Paulo Bezerra Silva, Diniz Alves de Sant’Ana Silva, Tatiane Conceição do Nascimento, Victor Menezes Vieira

Resumo


Na busca de melhorias em processos e inovações tecnológicas, novas ferramentas e metodologias são aplicadas cada vez mais nas organizações privadas como também na Administração Pública. Como a gestão de manutenção deve atuar de forma rápida e eficiente para reduzir custos e garantir disponibilidade dos equipamentos, o uso de softwares, como o SADEGE, apresentado neste estudo de caso, juntamente com ferramentas como PDCA e 5W2H, são aplicados numa instituição pública de ensino superior com o objetivo de estabelecer um controle de manutenção predial corretiva planejada e não planejada, preditiva e preventiva dos equipamentos. Desta forma, assim como ocorre na indústria, foram levantados e analisados por estudantes alguns indicadores e os resultados obtidos ao utilizar o SADEGE, de forma a elaborar Planos de Manutenção e auxiliar o gestor público a agendar tarefas em ordem de prioridade e como alocar os recursos eficientemente.

DOI: 10.53706/gep.v.23.6669


Palavras-chave


Gestão da Manutenção; Administração Pública; PDCA; 5W2H

Texto completo: PDF

Todo conteúdo da revista está sob a licença 

Gestão & Planejamento. ISSN impresso 1516-9103 - ISSN eletrônico 2178-8030