É NAMORO OU UNIÃO ESTÁVEL?

Zeno Veloso

Resumo


Li na coluna de Monica Bergamo que os advogados de Luiza Brunet procuraram o
escritório de advocacia Luiz Kignel, que representa o empresário Lírio Parisotto - que teria
agredido a modelo e atriz, em Nova York-, para discutir os termos da separação dos dois.
Segundo o advogado do rico empresário, os procuradores da bela Brunet pediram R$100
milhões pelo que seria a formação do patrimônio durante a união estável. Nem foi oferecida
contraproposta, sob o argumento de que "Não houve união estável alguma. O que houve foi um
namoro, com vários rompimentos, inclusive". Uma eventual disputa na Justiça, observa a bem
informada colunista, pode ser uma das maiores do país: "Parisotto está entre os 30 empresários
mais ricos do Brasil com fortuna estimada em US$ 1,6 bilhão".

Texto completo: PDF


A Revista Direito UNIFACS – Debate Virtual estará sempre aberta a oportunidade para que todos, ainda que não sejam membros do Corpo Docente e Discente do Curso de Direito da UNIFACS, possam divulgar textos jurídicos de relevância dogmática, devendo enviar seus textos para o endereço eletrônico direito@unifacs.br

ISSN 1808-4435