A ADOÇÃO DO FRESH RESTART NO CONTEXTO DO SUPERENDIVIDAMENTO DO CONSUMIDOR BRASILEIRO

Luciana Mirella Lacerda de Jesus, Ricardo Maurício Freire Soares

Resumo


De acordo com o Instituto de Defesa do Consumidor, o advento do Plano de Estabilização Econômica, mais conhecido como Plano Real, em 1994, acarretou significativas mudanças no cenário nacional, notadamente a estabilização da economia e, por conseguinte, a
regressão do imposto inflacionário e o crescimento do poder aquisitivo da população. Nesse contexto, como as instituições bancárias deixaram de lucrar com a inflação, haja vista a expressiva redução das operações de depósito à vista, passaram a lucrar com as operações de crédito, que se mostravam cada vez mais proveitosas e seguras em face do
aumento da renda média familiar.

Texto completo: PDF


A Revista Direito UNIFACS – Debate Virtual estará sempre aberta a oportunidade para que todos, ainda que não sejam membros do Corpo Docente e Discente do Curso de Direito da UNIFACS, possam divulgar textos jurídicos de relevância dogmática, devendo enviar seus textos para o endereço eletrônico direito@unifacs.br

ISSN 1808-4435