UMA ABORDAGEM BIOÉTICA ACERCA DA ESCOLHA DO DOADOR NA REPRODUÇÃO HUMANA ARTIFICIAL HETERÓLOGA

Itanaina Lemos Rechmann

Resumo


Artigo destinado à análise da implicação da escolha do doador na reprodução heteróloga, diante da possibilidade desta escolha configurar uma prática neoeugênica, conforme concepções íntimas dos demandantes do aparato reprodutivo artificial, motivados em ideais de beleza e de melhoramento. Antes dessa análise, deve-se ter em vista quais as principais técnicas de reprodução humana artificial, bem como os tipos quanto ao material utilizado, interessando no presente especificamente a reprodução heteróloga.

Texto completo: PDF


A Revista Direito UNIFACS – Debate Virtual estará sempre aberta a oportunidade para que todos, ainda que não sejam membros do Corpo Docente e Discente do Curso de Direito da UNIFACS, possam divulgar textos jurídicos de relevância dogmática, devendo enviar seus textos para o endereço eletrônico [email protected]

ISSN 1808-4435