MODELO DE GESTÃO EM ORGANIZAÇÕES CONTÁBEIS: UM ESTUDO SOBRE A INTERAÇÃO ENTRE O GRAU DE AMBIDESTRALIDADE E A MATURIDADE DO SISTEMA DE CONTROLE GERENCIAL

Juliano Lima Soares, Wilian Mendes, Thaís Araújo, Danielle Denes dos Santos Carstens

Resumo


O objetivo deste estudo foi analisar a relação entre o grau de ambidestralidade e a maturidade do sistema de  controle gerencial em escritórios contábeis da região de Curitiba- PR. A ambidestralidade organizacional refere-se à capacidade de uma organização orquestrar de forma simultânea suas ações de exploitation (inovações incrementais) e suas ações de exploration (inovações radicais). O sistema de controle gerencial é um mecanismo que assegura que as pessoas irão se comportar de forma que busquem atingir o objetivo da organização. A metodologia da pesquisa foi exploratória, quantitativa, descritiva e transversal, sendo o sujeito da pesquisa o proprietário ou o principal gestor de 21 escritórios de contabilidade. A principal contribuição da pesquisa é comprovar a hipótese de que há um alto, positivo e significante (r de Pearson = 0,750 e r de Spearman = 0,820) relacionamento entre os fatores grau de ambidestralidade e a maturidade do sistema controle gerencial das organizações contábeis investigadas.

DOI: 10.21714/2178-8030gep.v.21.5360


Palavras-chave


Ambidestralidade Organizacional; Sistemas de Controle Gerencial; Organizações Contábeis

Texto completo: PDF

Todo conteúdo da revista está sob a licença 

Gestão & Planejamento. ISSN impresso 1516-9103 - ISSN eletrônico 2178-8030