GASTO PÚBLICO NAS MESORREGIÕES DA BAHIA: CONSIDERAÇÕES A PARTIR DE UM INDICADOR MULTIDIMENSIONAL

Luís Abel da Silva Filho, Fládia Valéria Dantas dos Santos, William Gledson e Silva, Adriano Olivier de Freitas Silva

Resumo


A importância do gasto público municipal brasileiro com rubricas de abrangência social é relevante na formação e consolidação das contas públicas das unidades subnacionais. Diante disso, objetiva-se analisar a qualidade do gasto público municipal segundo as mesorregiões do estado da Bahia. Metodologicamente, recorre-se a uma revisão de literatura e, em seguida, constrói-se um indicador de qualidade do gasto público a partir das variáveis selecionadas. Os principais achados mostram que há divergência nos resultados por mesorregião, mostrando haver disparidades referentes à qualidade do gasto público na Bahia, sendo ainda, substanciais, as diferenças encontradas em cada uma das mesorregiões e em cada uma das variáveis observadas. Porém, o valor do índice foi significativamente baixo em todas elas. Destaque-se que a melhor performance foi registrada na Região Metropolitana de Salvador e o menor desempenho ficou no Centro Norte. Com isso, infere-se a melhor qualidade do gasto público, dando-se ênfase às variáveis de respaldo social, notadamente saúde, educação e assistência social.

Palavras-chave


Gasto público municipal; Mesorregiões; Bahia

Texto completo: PDF

RDE – Revista de Desenvolvimento Econômico. ISSN eletrônico 2178-8022 (números publicados a partir de 2010)
ISSN impresso 1516-1684