O PROCESSO DE TRANSFORMAÇÃO URBANA DE SALVADOR-BA

Lays Britto, Márcia Mello, Raissa da Matta

Resumo


Este artigo teve como objetivo levantar uma discussão a respeito das transformações urbanas ocorridas na cidade de Salvador. Desde seus dias de glória, enquanto primeira capital do Império no séc. XVI, à mudança da capital para o Rio de Janeiro em meados do séc. XVIII, aos dias atuais onde Salvador constitui-se numa cidade desigual e segregada social e espacialmente. O artigo traz resumidamente uma retomada dos principais momentos com relação ao planejamento urbano da cidade. No século XX as primeiras iniciativas surgiram no governo de José Joaquim Seabra, que objetivava a promoção do progresso e modernização; seguiu-se a 1ª Semana de Urbanismo, que tratou da questão como ciência e apontou diretrizes que mais tarde foram executadas pelo EPUCS; na década de 1970, como resposta a estagnação econômica houve o PLANDURB. Mas somente em 2004, Salvador tem um Plano Diretor, por determinação do Estatuto da Cidade, seguido pelo Plano de 2008 e atualmente pelo recém aprovado Plano Salvador 500.

Palavras-chave


Planejamento urbano; Urbanismo; Salvador

Texto completo: PDF

RDE – Revista de Desenvolvimento Econômico. ISSN eletrônico 2178-8022 (números publicados a partir de 2010)
ISSN impresso 1516-1684