CARGA TRIBUTÁRIA É FALACIOSA E POUCO ÚTIL

Marcos de Aguiar Villas-Bôas

Resumo


A chamada “carga tributária” do Brasil gira nos últimos meses entre 32% e 33%, apesar de que muitos veículos divulgam percentuais maiores.
Para que serve a carga, além de fundamentar as reclamações de que pagamos tributos demais? Como essa informação ajuda no design de melhores políticas públicas?Muito pouco. A carga tributária confunde muito mais do que agrega informação útil. Ela significa o percentual do valor arrecadado pelos três entes federativos em relação ao Produto Interno Bruto (PIB) do país. Mas, e daí?O PIB vem sendo criticado há muito tempo pelos maiores economistas do mundo e perde, cada vez mais, seu espaço como medidor de progresso, pois revela, a rigor, quanto estamos queimando no país, quanto estamos produzindo e consumindo, não apreendendo se, de fato, os seres humanos estão vivendo melhor.

Texto completo: PDF


A Revista Direito UNIFACS – Debate Virtual estará sempre aberta a oportunidade para que todos, ainda que não sejam membros do Corpo Docente e Discente do Curso de Direito da UNIFACS, possam divulgar textos jurídicos de relevância dogmática, devendo enviar seus textos para o endereço eletrônico direito@unifacs.br

ISSN 1808-4435