UMA ANÁLISE DAS VANTAGENS COMPARATIVAS DAS EXPORTAÇÕES DO ESTADO DO AMAZONAS COM O BRASIL, NO PERÍODO DE 2000-2018

Beatriz Matta da Cunha Luiz, Elane Conceição de Oliveira

Resumo


O artigo analisa as vantagens comparativas das exportações do estado do Amazonas com o Brasil, no período de 2000-2018. Para isto, foi utilizado o Índice de Vantagem Comparativa Revelada (IVCR) como ferramenta analítica para identificar e comparar a evolução da competitividade das exportações amazonense com as exportações brasileiras segundo as seções da Nomenclatura Comum do Mercosul (NCM). Os resultados apontaram grande dependência das exportações amazonenses sobre as exportações do Polo Industrial de Manaus (PIM), que inclusive caracterizam as seções mais competitivas do Amazonas; majoritariamente desvantagens comparativas nas seções externas ao PIM em comparação ao Brasil; sinais de acréscimos competitivos em algumas seções, como o grupo de Madeiras, que se destacou por ser o único desses grupos a apresentar IVCR em ascensão; o grupo de produtos vegetais aumentou sua participação na pauta de exportação e alavancou o número de produtos exportados com vantagens comparativas reveladas. Em geral, os resultados demonstraram ganho de competitividade na maioria dos produtos analisados e aumento no número de produtos competitivos na pauta de exportação do Estado.


Palavras-chave


Competitividade; Exportações; Amazonas; Vantagens comparativas

Texto completo: PDF

Licença Creative Commons
Este trabalho está licenciado sob uma Licença Creative Commons Attribution 3.0 .

INDEXAÇÃ0:

DOAJ

Associada

Todo conteúdo da revista está sob a licença 
RDE – Revista de Desenvolvimento Econômico. ISSN eletrônico 2178-8022 (números publicados a partir de 2010)
ISSN impresso 1516-1684