O DESENVOLVIMENTO SOCIOECONÔMICO EM MUNICÍPIOS RECEPTORES DE PARQUES EÓLICOS: UMA ANÁLISE COM ÍNDICES FIRJAN

Silvia Helena Albuquerque Sales

Resumo


Este artigo visa uma avaliação da evolução do desenvolvimento social e econômico em municípios receptores de parques eólicos, baseado em indicadores nas três principais áreas de desenvolvimento humano que são emprego e renda, educação e saúde, utilizando o Índice Firjan de Desenvolvimento Municipal – IFDM – da Federação das Indústrias do Estado do Rio de Janeiro. Vários países estão desenvolvendo processos de implantações de fontes alternativas de energia, vislumbrando transformações de suas matrizes e visando segurança energética. O Brasil vem acompanhando estas transformações, concentrando investimento na geração das energias renováveis, ocasionando um grande crescimento da energia eólica. O estudo corrobora com a temática da energia eólica brasileira, contemplando uma abordagem de avaliação quantitativa, baseado em dados estatísticos confiáveis e disponíveis a nível nacional, apontando inexistência de evidências de comportamento diferenciado no desenvolvimento socioeconômico em municípios receptores de parques eólicos, de forma comparativa com outros municípios na mesma região que não são receptores dos empreendimentos eólicos.

Palavras-chave


Energia Eólica; IFDM; Indicadores socioeconômicos

Texto completo: PDF

Licença Creative Commons
Este trabalho está licenciado sob uma Licença Creative Commons Attribution 3.0 .

INDEXAÇÃ0:

DOAJ

Associada

Todo conteúdo da revista está sob a licença 
RDE – Revista de Desenvolvimento Econômico. ISSN eletrônico 2178-8022 (números publicados a partir de 2010)
ISSN impresso 1516-1684